Sem categoria

Free bird

01

SALMONELLAS-28012018baixa

02

SALMONELLAS-29012018baixa

Ela e ele

Ele nunca estava disponível, ela era solícita e sempre queria ir a algum lugar mais interessante do que o sofá de casa ou a escrivaninha do quarto. Ele sempre tentava convencê-la a ficar assistindo a algum filme dos anos 90, ela só ficaria se fosse um clássico em preto e branco com ao menos 50 anos de existência, e isso num domingo a noite. Ela gostava de dançar e não se importava em ouvir Anitta numa festa, ele torcia o nariz para nada que não fosse aprovado por Thelonious Monk. Ela sempre sorria, ele estava sempre distante. Ela conseguia compreender que a vida era muito maior do que seus egos, apesar de que o ego dele estava em constante expansão. Ela tentava ficar longe da rotina, ele necessitava ardorosamente de regras e hábitos. Ela gostava de Basquiat e Jeanne Saville, ele se esgueirava da louça. Ele não fumava maconha, mas falava muito quando bebia. Ela acendia um antes do café da manhã e comia só uma maçã antes do almoço. Ele olhava para o vazio o tempo todo, ela olhava nos olhos e exigia sinal de vida. Não ficaram juntos. Ele foi atropelado pelo carro do sonho. Ela ficou grudada para sempre em uma colagem no porão de sua casa.

FIM

 

Lynyrd Skynyrd

Anúncios
Padrão

2 comentários sobre “Free bird

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s